O que é Coaching Financeiro?

Para entender o que é “Coaching Financeiro”, precisamos entender o significado de “Coaching”.  “Coaching” vem de “Coach”, nome dado a quem aplica a ferramenta. É uma palavra da língua inglesa que tem dois significados: um bem conhecido, que é o de “treinador” e outro, de “condução”, ou ainda, “condutor”.

O “Coaching” de que estamos falando pode ser definido como uma união entre essas duas definições: treinar e conduzir.

E como atua o “Coach Financeiro”?

Uma comparação bastante útil é com a do profissional “Personal Trainer”. A grande maioria das pessoas sabe que fazer exercícios faz bem à saúde, tonifica o corpo e embeleza. Da mesma forma, posso garantir que boa parte das pessoas sabe que controlar seus gastos, investir de maneira inteligente, planejar o orçamento, entre outros, é bom para uma vida mais tranquila e prazerosa.

No entanto, por que a maioria das pessoas não adota uma posição melhor com relação à sua saúde física e financeira?

Isso acontece, primeiramente, porque, ou não sabemos exatamente quais exercícios fazer, ou não sabemos nem em que quantidade, nem em que frequência devemos executá-los. Analogamente, não sabemos como planejar nossos custos e nem quais investimentos seriam mais adequados ao nosso caso. Some-se a isso, nos dois casos, a existência de “pontos cegos”, que são hábitos ruins que temos, mas que não nos damos conta deles. Contudo, um olhar de “fora”, mais objetivo, é capaz de detectá-los.

Outro ponto é o impacto muito positivo que tanto o “Coach” quanto o “Personal Trainer” têm na motivação dos seus treinados.

Desta forma, o “Coach Financeiro” age como um treinador, capaz de ver as deficiências do seu cliente, prescrever a melhor rotina de exercícios e mantê-los sempre interessados no seu progresso.

Por fim, quando se trata de sucesso, seja financeiro ou físico, é muito difícil definir o que isso significa. Nem todo mundo deseja ter uma Ferrari e ostentar luxo e riqueza, assim como nem todo mundo deseja se parecer com um fisiculturista! É nesta hora que o “Coach” age como um condutor, levando seu “Coachee”, nome dado a quem recebe o treinamento, exatamente aonde ELE quer ir, respeitando sua própria medida de sucesso.

Gustavo Higa

Proprietário da Foccus Coaching e consultor associado da Gestor Financeiro Pessoal.