Antecipação de IR: curto e grosso!

Só vale a pena se você usar o dinheiro para quitar dívidas com taxas de juros mais elevadas ou para evitar contrair dívidas mais caras.

Mais detalhadamente: se você estiver pagando mensalmente juros no cheque especial ou pagando juros no cartão de crédito, vale a pena antecipar o IR, uma vez que as taxas dessa operação são bem mais em conta. As taxas de juros na antecipação de IR giram em torno de2,5% ao mês, enquanto que as do cheque especial estão em torno de 7% e as do cartão de crédito, em torno de 12% ao mês.

Se você estiver precisando de dinheiro para uma emergência, melhor recorrer à antecipação de IR do que recorrer a um empréstimo pessoal. Isso é o mesmo que: se vai precisar pagar juros, que pague menos.

Que cuidados devo tomar?

Você deve ter certeza de que o valor da restituição está correto. Caso sua declaração caia na malha fina, você precisará encontrar outra forma de quitar a dívida da operação de antecipação de IR no vencimento do contrato. Essa outra forma poderá ser a contratação de um empréstimo pessoal bem mais caro.

Jamais recorrer à antecipação de IR para gastos com supérfluos. Apesar de ter taxas de juros menores, essas taxas ainda são bastante elevadas e podem comprometer seu orçamento doméstico. Lembre-se: toda dívida com objetivo não financeiro (ou seja, dívidas que não vão lhe proporcionar enriquecimento) é uma dívida ruim (a única dívida com objetivo não financeiro aceitável é a dívida para aquisição da casa própria).

Para saber mais sobre dívidas boas e dívidas ruins, assista ao vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=B5GUTNFvzYI.

Para saber mais sobre antecipação de IR, sugerimos uma visita aos sites dos principais bancos e um lida nos textos:

http://g1.globo.com/economia/imposto-de-renda/2014/noticia/2014/03/saiba-quando-e-vantajoso-antecipar-restituicao-do-imposto-de-renda.html

http://economia.uol.com.br/noticias/infomoney/2014/03/06/bancos-iniciam-antecipacao-do-ir-confira-os-juros-e-se-vale-a-pena-solicitar.htm