Gestor Financeiro Pessoal

Educação financeira |

Controles financeiros e gestão do capital de giro.


por GestorFP

O controle financeiro da empresa é fundamental para que ela se mantenha competitiva no mercado e garanta o equilíbrio de seu caixa. Isso evitará surpresas e dificuldades de gestão e, até mesmo, a inviabilidade do negócio. Para chegar a este controle, são necessárias algumas medidas estratégicas, que reúnem o orçamento e as metas em um planejamento único. A seguir, comentamos duas ações básicas, mas de suma importância para gerir o negócio.

Tenha clareza sobre a situação da empresa

Como em qualquer planejamento, o primeiro passo é tomar consciência sobre a atual situação financeira da empresa, o que pode ser obtido a partir da DFC, para obter um equacionamento entre as receitas e as despesas.

Realize todo o levantamento, listando os processos e seus respectivos pontos sejam eles negativos ou positivos, a situação de mercado do próprio segmento, entre outras informações que permitirão que você visualize os recursos com os quais poderá contar em seu planejamento e o que deverá cortar para garantir a estabilidade da empresa.

Faça projeções sobre os possíveis cenários

Um controle financeiro empresarial eficiente exige que sejam feitas projeções sobre os possíveis cenários que permitam um alinhamento entre os gastos e as receitas da empresa; no entanto, é fundamental prever o ciclo operacional, da fabricação ou desenvolvimento até o recebimento de um produto ou serviço, definindo o valor das despesas que são geradas em cada etapa, como compra, estocagem, produção, venda e recebimento, a fim de que os gastos possam ser confrontados e equacionados com as receitas.

“Gerir as finanças corretamente traz tranquilidade para pensar em novos investimentos, seja em inovação, produtos ou melhorias na estrutura empresarial.”

Os controles financeiros são úteis para as decisões empresariais. Fazer esse acompanhamento é fundamental para o dia a dia da empresa. Pode-se dizer que as informações geradas com esses controles representam o primeiro estágio para a gestão do capital de giro.

Nas empresas de pequeno porte, quando se consegue administrar o capital de giro de maneira eficiente resolve-se basicamente a maioria dos problemas de natureza financeira.

No próximo texto, vamos apresentar alguns controles financeiros básicos.

Enio Raul

Sócio da Maximus Consultoria, enioraul@maximusconsultoria-pe.com.br

Gostou do texto? Clique aqui e faça seu cadastro para receber GRATUITAMENTE muito conteúdo sobre finanças pessoais!

Obs.: a imagem que ilustra esse post foi tirada do site do SICCOB SC, na apresentação de seus produtos para capital de giro. Para saber mais, clique aqui.