Gestor Financeiro Pessoal

Seguros |

Entenda o funcionamento de um seguro de automóvel


por GestorFP

Ao se adquirir um carro, uma das primeiras precauções é a contratação do seguro auto, sendo que esta só se concretiza após uma avaliação feita pelo segurado levando em conta os preços e os benefícios oferecidos.

Vale salientar que a segurado dispõe de um prazo legal de 15 dias para avaliar o risco e então optar pela emissão da apólice ou recusar a proposta.

Formas de pagamentos

Existem as seguintes possibilidades: débito em conta, boleto bancário ou até mesmo cartão de crédito, sendo que a seguradora pode solicitar uma vistoria prévia do automóvel no sentido de verificar o estado de conservação.

Procedimentos em situações de sinistro

Sinistro consiste em qualquer evento em que o bem segurado sofre um acidente ou um dano material, representando a materialização do risco que leva a uma perda financeira para a seguradora.

É de vital importância que o segurado tenha em mãos o número da central de atendimento para que o sinistro possa ser informado com o máximo de celeridade e, dessa forma, os serviços de assistência possam ser acionados no menor espaço de tempo possível.

Cancelamento do seguro

O seguro de carro pode ser cancelado, por vontade do segurado, na hipótese de venda do bem. A seguradora pode por sua iniciativa cancelar o seguro na situação de falta de pagamento dos prêmios.

Nos dois casos citados, será utilizada uma tabela de proporcionalidade para a mensuração do prêmio e de eventuais restituições ao segurado, o que também inclui o período de cobertura do seguro.

Renovação do seguro

Habitualmente, os corretores entram em contato com os segurados com um determinado período de antecedência em relação ao vencimento da apólice, oferecendo a renovação do seguro.

Utilidade pública

Em casos de acidentes com gravidade, procure afastar as pessoas e veículos das pistas de rolagem com o intuito de evitar outros acidentes.

Em caso de pessoas presas às ferragens ou de incêndio, ligue imediatamente para o Corpo de Bombeiros no 193. Sinalize o local acionando o pisca-alerta e coloque o triângulo a uma distância segura para evitar novos acidentes.

Artur Salles Lisboa de Oliveira é formado em administração de empresas e possui vários anos de experiência na BM&F Bovespa nos segmentos à vista e futuro. Profissional com certificações CPA-20 (Anbima) e Ancord, presta consultoria de investimentos para sites especializados e é colaborador de jornais no exterior acerca do mercado financeiro brasileiro.

O mercado de seguros

As seguradoras. Uma seguradora de saúde, por exemplo, consiste em uma companhia encarregada da administração de um grande número de interesses da massa que compõe os segurados, que se beneficiam […]

Seguro é investimento?

Essa foi uma das perguntas que fizeram ao final de uma das últimas palestras que ministrei. Minha resposta foi que não, seguro não é um investimento. O seguro faz parte […]